terça-feira, 22 de setembro de 2009

EU ESCUTEI E DEDUZI...

1) Escutei e vi e o Sr. Presidente dizer que só falaria sobre o assunto das escutas à Presidência depois das eleições.

2) Escutei e vi jornalistas, politólogos, políticos ficarem espantados pelo Sr. Presidente ter demitido os seus olhos-e-ouvidos aka Fernando Lima, quando afinal tinha dito o que nós todos tínhamos escutado e visto em 1. (Penso eu de que).
Ai aqui d'el rei que o Sr. Presidente afinal dá o dito por não dito.
Ai aqui d'el rei que a Presidência ( muda-se logo de registo porque o respeito ainda é muito bonito) afinal é mais Pinóquio que o Sócrates e, contas feitas, não houve escutas nenhumas queriam era tramar o Cyrano Sócrates de Bergerac.

Oh meuz amigozzzzzzz vamos lá a ver se vocês me escutam:

1) O Sr. Presidente está, até à hora do fecho deste post, a cumprir o que disse e que eu escutei e vi: só falará sobre as escutas à Presidência depois das eleições.
2) O facto de ter feito uma operação cirúrgica aos seus olhos-e-ouvidos não quer dizer pescoço, ou seja, não quer dizer que não haja escutas lá para os lados da Presidência (isso será coisa para se investigar, igualmente, depois das eleições [não sei se legislativas, não sei se autárquicas ... não o ouvi dizer, nem escutei nada].
Deduz portanto a GIz que só houve lugar àquela operação cirúrgica porque o Sr. Lima esqueceu-se de limar bem as arestas e deixou umas pontas à vista (migalhas de bolo-rei) e isso é que o Sr. Presidente, sempre muito discreto, não lhe perdoa.
E ... sem dar cavaco a ninguém, nem mesmo aos seus olhos-e-ouvidos, obviamente: escavacou-o, extirpou-o, demintiu-o.

4 comentários:

Emília disse...

Adorei as migalhas de bolo rei.

Patti disse...

E é isso mesmo, Morena. Ele até ia benzinho, mas com esta derrapou.

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Não concordo, Gi! O PR foi apanhado na curva e, como todos os políticos, arranjou um bode expiatório para se safar.
Pense só nisto: as suspeições tinham sido levantadas há 17 meses. Porque é que ele não transmitiu a sua preocupação ao PM? Porque recorreu aos jornais, como fazem muitos políticos de baixo calibre quando encontram jornalistas dispostos a fazer fretes?
O PR não vai investigar nada, salvo se MFL vencer as eleições. Nessa altura, para se limpar, vai encontrar um microfone escondido na sanita da D. Maria.

PDuarte disse...

às vezes dou por mim pensando se tudo isto não é uma brincadeira maluca inserida dentro do espirito da cooperação estratégica para tramar a Manuela.