sexta-feira, 24 de julho de 2009

O HOMEM QUE SE GABAVA DE NÃO TER CORAÇÃO

Havia um homem que se gabava de não ter coração( só podia ser; mulher gaba-se mas nunca de não ter coração) .
Por onde andasse deixava sempre bem claro tal facto.
- Dava pontapés aos cães e gritava EU NÃO TENHO CORAÇÃO.
- Roubava dinheiro aos mendigos enquanto lhes dizia O que é que querem, sou UM HOMEM SEM CORAÇÃO.
- Chegava às lojas cinco minutos antes do fecho e divertia-se a experimentar todo o tipo de roupa; saía sem levar nada, soltando uma gargalhada diabólica enquanto apregoava:
EU NÃO TENHO CORAÇÃO.
- Aliciava as crianças com doces e abandonava-as em parte incerta; não se esquecia nunca de comunicar, anonimamente, aos pais que sabia do seu paradeiro mas que não dizia porque … ERA UM HOMEM SEM CORAÇÃO.
Andava a congeminar e a preparar, maquiavelicamente, aquele acontecimento! Um acontecimento marcante e que o tornaria famoso como o HOMEM QUE NÃO TINHA CORAÇÃO.
No momento que ia executar o feito, morreu.
A autópsia revelou que a causa única da sua morte tinha sido … ataque cardíaco, único órgão que o homem possuía!
Tornou-se célebre, ironicamente, por ser um homem que só tinha coração!

8 comentários:

vício disse...

eu também vou gritar para ver se a teoria se aplica a mim...
HOJE NÃO VOU GANHAR O EUROMILHÕES!

Miepeee disse...

Ahahahah, o comentario do vicio esta demais!

Gi disse...

Vício: E espero que ytenhas um graaaaaaaaaaaaaande coração.;)

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Esse homem SEM CORAÇÃO fez-me lembrar alguém que anda ai pela política...

PAS[Ç]SOS disse...

Onde é que está a criatividade? Aonde?

Gi disse...

PAS[Ç]SOS: Não tens mesmo coração. :(

susana disse...

Gi: só vim deixar um olá entre um backup.
Bji

Flip disse...

realmente, Gi, um tipo tipo sem coração, bera, mauzinho, vil, rude, tens a certeza que morreu?
:-)