sexta-feira, 9 de outubro de 2009

HISTÓRIAS DA GIZINHA

Era uma vez três corpinhos: a Bolinha, a Bolota e a Bolona ... e um Bolo Bom.
Um dia a pasteleira mãe resolveu expulsá-las da pastelaria de que era dona devido à sua gordura.
A Bolona disse para a Bolinha e para a Bolota:
- Vão ver que, num instante, me ponho magra; basta eu querer.
E, despreocupada, se manteve.
A Bolota disse para a Bolinha e para a Bolona:
- Eu também acho que facilmente emagreço mas, pelo sim pelo não, vou passar a comer menos.
A Bolinha disse:
- Pois eu acho que é bem difícil emagrecer, pelo que vou ao ginásio, à nutricionista, e vou seguir, rigorosamente, estas duas premissas.
As outras riram-se e gozaram com ela:
- Pois, pois, queremos ver!
Um Bolo Bom cheio de pena da pasteleira mãe tendo ouvido aqueles três reboludos corpos, resolveu pô-los à prova.
Chegou-se todo delicodoce ao pé da Bolona que, gulosamente, se precipitou para ele na tentativa de o comer.
O Bolo Bom gozou com ela:
- Rebola, Rebola, pesadona, como estás nunca me apanharás.
A Bolona, esbaforida, foi ter com a Bolota.
- Acho que vou seguir a tua conduta. Apareceu-me o Bolo Bom e eu bem o quis apanhar, mas ele gozou comigo dizendo "Rebola, Rebola, pesadona, como estás nunca me apanharás!"
Posso ficar aqui contigo para comermos menos as duas? Se calhar é mais fácil!
A Bolota aquiesceu e, se havia um dia em que comiam menos logo no outro comiam a dobrar.
O Bolo Bom vendo que aqueles dois corpinhos não fechavam a boca, resolveu envergonhá-los ... e apareceu-lhes ao caminho.
Era ver Bolota e Bolona a tentar apanhá-lo, mas os corpinhos tão gordos estavam que se atropelaram um ao outro e caíram desamparados no chão.
O Bolo Bom ria à gargalhada:
- Não emagreçam, não, pesadonas como estão nunca me apanharão.
Bolota e Bolona furiosas com o despautério daquele Bolo Bom resolveram ir ter com Bolinha.
Ficaram espantadas com o que viram. A Bolinha tinha-se tornado num belo e esbelto palitinho.
- Ó Mana também queremos ser como tu para podermos dar uma lição a um Bolo Bom que anda para aí a tentar-nos e a gozar connosco dizendo: Não emagreçam, não, pesadonas como estão nunca me apanharão.
Começaram a seguir, religiosamente, o que Bolinha fazia e dizia e, quando o Bolo Bom apareceu, deixou-se comer.
O Bolo Bom foi dividido em 3 deliciosas fatias.
A Mãe, impante de felicidade, recebeu-as de volta na pastelaria, ofereceu-lhes a balança que em baixo vêem [roam-se de inveja, vá] e, em sua honra, criou um Bolo Bom cortado em três: o TriBelo, que em fornadas sucessivas, se abalança rumo à fama mundial

15 comentários:

Precious disse...

Não falamos do Nobel do Obama, Gi?
Vá, quero saber a tua opinião.

Patti disse...

Ai rapariga, eu também me verteram as lágrimas, mas foi de desgosto. Será que as minhas paragens nas pastelarias, padarias, snakcs e afins também vão dar em Bolotona?

Se for para ter uma balança shock dessas até que nem me ralo.

Das coisas que tu te lembras ...

Gi disse...

Precious: Falei no Facebook.
Queres saber a minha opinião? O Sr. Obama é um Bolo Bom. :)
O Prémio Nobel da Paz é o prémio mais artificial, cínico e político que há ... por mim bania-o.
Também gostava de ter a tua opinião sobre este meu texto, achas que posso concorrer ao Nobel da Literatura?

Girstie disse...

Eu acho que podias concorrer sim ao nobel da literatura Gi :)

Eu gostei do texto, mas da balança mais ainda!

Precious disse...

Porque não, Gi? Acho que fazias melhore figura que muitos candidatos.

Flip disse...

uma história fascinante Gi, até fiquei com água na boca :-)

avogi disse...

GIZINHA? era como me chamavam em criança. Agora fez-me recordar a minha meninice ao ler..GIZiNHA.

Gi disse...

Como sou Gi ficou Gizinha. ;)

PB disse...

Venham os bolos! O desporto queima tudo! ;)
Beijinhos

paulofski disse...

POis é, com flexões e corridas nos rolos se enganam os bolos :)

avogi disse...

Também me tratam po Gi, mas sou Giselda. Em pequena é que me chamavam Gizinha

Gi disse...

E a Avogi já sabe qual é o meu nome próprio ... é o nome da sua prima. :)

avogi disse...

QUal prima? Tenho uma prima Gisela Mas conhece-a? E tenho uma Carla?

Gi disse...

Ó avogi desculpe! Já tenho tanta gente que me comenta e a quem vou comentando, que fiz confusão.
Não é a avogi que tem uma prima com o meu nome, pronto! :)))

O meu nome é: Georgina.

avogi disse...

E tem um nome bem bonito, por sinal.